Quando procuramos por uma boa escola, normalmente nos atentamos à qualidade de ensino, valor das mensalidades, plano escolar, metodologia e conteúdo programático da instituição. Ou seja, são vários fatores que norteiam a escolha de um bom centro de ensino.

Mas em um mundo cada vez mais conectado e digital, grande parte das pessoas buscam por essas informações online. Ou seja, não dá mais para ficar apenas no “boca a boca”. As escolas também precisam estar presentes na internet.

Afinal de contas, hoje em dia, é possível encontrar praticamente tudo na rede. Basta dar um “Google” para achar, desde um gerador a diesel branco até muitos outros produtos, serviços, equipamentos e informações diversas.

Diante desse cenário, o artigo de hoje vai tratar sobre uma estratégia de marketing digital conhecida como “SEO Off Page” e como ela pode ajudar sua escola.

Ficou curioso(a)? Então, acompanhe a leitura!

O que é SEO Off Page?

O SEO (Search Engine Optimization), ou otimização para os mecanismos de busca, refere-se a um conjunto de técnicas que melhora o rankeamento do seu site nos buscadores, especialmente o Google.

Por exemplo, quando digitamos renovação de CNH bloqueada, vamos nos deparar com uma série de páginas da web que mostram como realizar esse procedimento, dando informações aos usuários.

O SEO faz com que o seu site apareça entre os primeiros resultados, aumentando as chances dos internautas visitarem o seu conteúdo.

O SEO Off Page diz respeito a essa estratégia, porém com ações realizadas fora da sua página, isto é, em outros locais da internet. A principal intenção não é só aparecer no Google, más também mostrar a relevância do seu website.

Para o Google, não vale somente ter um conteúdo rico sobre cirurgia de calvície ou outro assunto. O buscador também quer saber como o seu site se relaciona com outros sites e o restante da web.

Assim, se a sua página recebeu várias menções e hiperlinks, maior é o seu reconhecimento na internet. Consequentemente, melhor é a avaliação do Google. Afinal, as pessoas tendem a compartilhar aquilo que realmente tem qualidade e valor.

Por exemplo, imagine que você está em um blog de gastronomia, que tem um hiperlink para o contato de um barista profissional. Essa menção é um SEO Off Page.

Melhor ainda para o barista, se o blog de gastronomia tiver grande reconhecimento na área, pois os visitantes vão considerar o profissional de qualidade, já que ele é mencionado em um canal de renome.

Essa construção de links que direcionam o visitante para outro site é chamada de backlink, em uma prática conhecida como link building.

No caso das escolas, você pode ter a sua instituição de ensino citada em revistas eletrônicas da área de Educação, blogs educativos e, até mesmo, em portais dessa temática.

Mas o SEO Off Page não se limita à construção de backlinks. A estratégia engloba muitas outras técnicas, envolvendo relacionamentos com outros sites para melhorar o rankeamento do Google.

A seguir, separamos algumas dicas de como o SEO Off Page pode ajudar no marketing digital da sua escola.

5 dicas de SEO Off Page para a sua escola

O Google não leva em consideração apenas a presença de backlinks. Por causa disso, o SEO Off Page não se limita à prática de link building.

Além do mais, mesmo para menção em outras páginas da web, é preciso levar em conta outros fatores que fazem parte do rankeamento. Por isso, a construção de backlinks é considerada quase uma arte.

Para ajudar a sua escola na elaboração de estratégias de SEO Off Page, confira as dicas que separamos abaixo:

#1 – Comece com o SEO On Page básico

Não dá para iniciar uma estratégia SEO Off Page, sem antes ter passado pelo SEO On Page.

Se você não otimizar suas páginas, é bem improvável que o seu site apareça como uma referência no Google.

Desse modo, o seu website não é visto como relevante, o que pode prejudicar a menção por backlinks.

Então, antes de mais nada, verifique como está a aplicação das técnicas de SEO On Page.

Lembre-se que o Google trabalha com palavras-chave mais procuradas pelos usuários, mas sem perder a qualidade do conteúdo.

Ou seja, se você produziu um artigo sobre cilindro mestre clio, ele deve não só conter a palavra-chave, mas também ser interessante para o leitor, com informações relevantes e aprofundadas.

Além disso, não se esqueça de:

  • Oferecer uma boa navegação na página;
  • Usar URLs amigáveis;
  • Otimizar títulos e subtítulos;
  • Escrever textos escaneáveis pelo Google.

Somente depois de otimizar o básico do seu site, você poderá começar a elaborar novas estratégias de SEO, incluindo o Off Page.

#2 – Produza conteúdos atrativos aos usuários

Como mencionado anteriormente, não basta focar só na palavra-chave; é preciso ter atenção ao conteúdo.

O mesmo vale para o SEO Off Page. O seu site só receberá menção em outras páginas, se o seu material for realmente interessante e digno de ser compartilhado.

Por exemplo, tratar de curiosidades sobre a montagem de uma cenografia arquitetura pode ser algo relevante para um blog que trata sobre casa e construção. Daí, você tem mais chances de ser citado por um backlink.

Vale dizer que não apenas artigos podem ser atrativos, mas também pesquisas de mercado com alto potencial de compartilhamento.

Como você está lidando com educação, as possibilidades são inúmeras nesse setor.

#3 – Utilize guest post

Os guests posts são artigos produzidos por convidados, geralmente especialistas em determinado tema ou assunto. Ou seja, é quando uma pessoa escreve em um blog, mas não é o dono daquele blog.

Imagine, por exemplo, que você quer tratar no blog da sua escola sobre a importância da presença de psicólogos em sala de aula.

Assim, você pode convidar um psicólogo escolar para escrever um conteúdo para a sua página. Isso é um guest post.

Esse tipo de prática é muito comum nos mais diversos segmentos de mercado. Quando uma empresa automotiva quer trazer detalhes sobre uma chave codificada, ela pode convidar um engenheiro especializado, entre muitos outros exemplos.

A grande vantagem do guest post é que o material produzido por um especialista tem alto nível, ou seja, tem um ótimo potencial de compartilhamento, devido às informações de qualidade.

Além do mais, o artigo de convidado permite que o seu site conquiste mais credibilidade, o que influencia diretamente no rankeamento do Google.

Uma maneira eficiente de conseguir menções em outras páginas é ter parcerias para backlinks.

Isso pode te ajudar a ganhar relevância, especialmente se você está começando agora com a estratégia de SEO.

No entanto, não basta só encontrar um parceiro. É preciso firmar relacionamentos com páginas que tenham a ver com o seu nicho de mercado.

Por exemplo, se o seu produto é uma caixa de luz padrão preço diferenciado, o ideal é firmar parceria com blogs que tenham o mesmo público-alvo.

A mesma situação vale para as escolas. Caso a sua instituição for especializada em ensino infantil,  um blog que trata sobre maternidade e cuidados com a criança pode ser um excelente parceiro.

Além disso, é importante ressaltar que, ao firmar parcerias, você deve escolher sites que sejam confiáveis e já tenham alguma relevância dentro do Google.

Não só por questões de rankeamento, mas também para transmitir a credibilidade necessária ao público.

Uma das ferramentas que pode te ajudar a verificar sites parceiros é a métrica do Moz: o Domain Authority (DA).

Com ela, você tem acesso a uma pontuação de 1 a 100, que mostra a probabilidade de uma página estar bem posicionada no Google. Quanto mais pontos, maiores são as chances do site estar entre os primeiros resultados.

Na internet, é comum que algumas URLs se modifiquem conforme o tempo. Mas quando estamos trabalhando com SEO Off Page, é preciso ter muita atenção aos links quebrados, quer dizer, aqueles que aparecem com “Error 404”.

Isso vale tanto para as menções dentro do site da sua escola, quanto para os backlinks em que você aparece.

A presença de links quebrados prejudica a experiência do usuário e, além disso, interfere negativamente no rankeamento do Google.

A boa notícia é que você pode corrigir esse erro de maneira simples: apenas com a aplicação do Redirecionamento 301, um código inserido na página com erro, que orienta qual é o site certo para o usuário.

Com esse recurso, você ajuda não só os leitores, mas também os robôs, que avaliam as páginas e as posicionam no Google.

Conclusão

Por fim, com a utilização do SEO Off Page a sua escola pode ser reconhecida por oferecer credibilidade, bons serviços e uma estrutura de qualidade.

Atualmente, indicações e recomendações são muito bem-vindas, principalmente, por conta do alto número de concorrentes no mercado.

Faça um planejamento completo e aposte nas melhores técnicas para a sua instituição de ensino.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

12 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você Também Pode Gostar